As Crônicas do Bode

Por séculos o Império de Marillian foi o mais vasto e poderoso Estado do Mundo de Kaos, governado por Cinco Rainhas, últimas descendentes da velha linhagem dos primeiros homens. A riqueza e poder desse vasto Império despertou a ganância da maior desolação dessa Era. Em um ataque relâmpago à capital e as mais importantes cidades do Império, Herja a rainha de todos os dragões, tomou os tronos do Império para si. 

As Rainhas e seus cavaleiros lutaram com todas as suas forças, mas o exército de Herja já havia tomado a maioria das cidades. Por fim, para as Rainhas só sobrou o exílio. Por quatrocentos anos as forças draconianas dominaram inclementemente as terras do Império. Porém após anos de domínio inclemente, os dragões se aquietaram. Agora há uma esperança, com os dragões ausentes, o domínio de Herja sobre o Império diminui. E a chama da Revolução se acende com o roubo de um simples bode.

As Crônicas do Bode

alicemabelprates magronete